Uma estrangeira no mundo

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Protestos pacíficos marcaram a Marcha pra Jesus BH / 2011



Do blog Ponto Crítico, do Mariel Marra

Aproximadamente 20 mil pessoas participaram neste sábado, 8/10/2011 da Marcha para Jesus, realizada na Praça da Estação, no centro de Belo Horizonte, a qual iniciou em frente a Câmara Municipal de Belo Horizonte, na Av. dos Andradas, às 9h. Após a caminhada, o palco da Praça da Estação recebeu cerca de 15 shows, dentre as bandas participantes estavam Oficina G3, Pregador Luo, Fernandinho, Irmão Lázaro e Renascer Praise.

A Marcha pra Jesus já acontece em mais de 170 países organizado por igrejas evangélicas. Em Belo Horizonte obrigou a BHTrans a alterar o trânsito no entorno do evento até às 23 h. Contudo, a Marcha 2011 foi também marcada por protestos pacíficos, os quais exortavam os participantes para o retorno ao “Evangelho Puro e Simples“.

Pr. Gustavo Bessa e Mariel Marra

Na ocasião estive conversando amistosamente sobre o Evangelho Puro e Simples com o Pr. Gustavo Bessa, casado com Ana Paula Valadão Bessa.

De uma forma provocativa, mas não menos inteligente e respeitosa, o Pr. Gustavo, o qual também é teólogo, ele me questionava sobre o que seria este Evangelho Puro e Simples, já que em sua opinião, não há como fugirmos das diversas interpretações que fazemos do Evangelho, de forma que aquilo que estavamos chamando ali de “Puro e Simples”, poderia não ser “Puro e Simples” para outras pessoas.

Naturalmente, o Pr. Gustavo nos propõe uma questão típica da pós-modernidade, em que tudo se apresenta como relativo e dependente do ponto de vista particular do observador/interprete.

Aproveito este diálogo particular para propor uma reflexão ampla sobre o tema, visto que, particularmente e com todo respeito ao Pr. Gustavo, considero tal posição extremamente perigosa para a Igreja, posto que ao final desse caminho pantanoso e escorregadio, fruto de uma hermeneutica neoliberal, nós chegaremos a conclusão de que não existe uma Verdade a ser conhecida pelo leitor bíblico, visto que para nós hoje é impossível alcançar o sentido original de um texto bíblico.

Considero como totalmente inadequada esta idéia de que é possível apenas explorar uma pretensa “reserva de sentidos” no texto da Bíblia, os quais dependem das circunstâncias (sócio-culturais) que se encontra o interprete.

Observo que o pluralismo religioso da pós-modernidade e o presente desejo imaturo de Unidade no Corpo de Cristo, tudo isso tem levado a rejeição do conceito de verdade eterna e imutável e a aceitação irresponsável de que é impossível alcançarmos uma interpretação correta de um texto bíblico, reduzindo tudo a uma questão de opinião.

É sabido que a hermenêutica reformada reconhece a necessidade de aplicarmos o texto bíblico às diversas situações em que nos encontramos, contudo vê essas aplicações não como “sentidos” múltiplos de um mesmo texto, mas sim como a significação e aplicação do sentido único de um texto para as diversas situações da vida.

Desta forma, o Puro e Simples que estamos clamando, não se trata de um conceito particular, mas sim universal e perfeitamente alcançável pelo exercício hermeneutico dos textos bíblicos, que por sua vez segue a princípios de interpretação bastante claros e que não se restringem a Teologia, mas também são utilizados em tantas outras ciências humanas.

Nós temos sim a possibilidade de conhecer o sentido original, puro e simples das Escrituras conforme pretendido por Deus e aproveito para trazer a memória um trecho da velha, nobre, mas também bastante desconhecida, Confissão de Fé de Westminster: “Todo o conselho de Deus, concernente a todas as coisas necessárias para a sua própria glória e para a salvação, fé e vida do homem, ou é expressamente declarado na Escritura ou pode ser lógica e claramente deduzido dela” . Referências bíblicas: 2Tm 3.15-17; Gl 1.8; 2Ts 2.2; Jo 6.45; 1Co 2.9, 10, l2; 1Co 11.13,14.

Além disso, fazendo alusão ao que Paulo diz aos Gálatas (Gl 1:6-10), Lutero também disse “Qualquer ensinamento que não se enquadre nas Escrituras deve ser rejeitado, mesmo que faça chover milagres todos os dias”

Portanto, pergunto retóricamente, se o Evangelho Puro e Simples do qual falamos, não passa mesmo de uma visão particularizada do interprete bíblico.

Se é assim, então pergunto pelo Evangelho que inicialmente Paulo e posteriormente Lutero estabeleceram como parâmetro para os Cristãos, a fim de que fosse possível discernirem aquilo que era maldito daquilo que era bendito.

Seria também este Evangelho de Paulo uma visão temporal, a qual deve ceder aos apelos do pluralismo hodierno, aceitando agora a idéia de que todos estão com a verdade em suas interpretações, para assim promovermos a Unidade do Corpo de Cristo?

Inclusive, aproveito para também questionar a todos que estão lendo este texto… a que preço estamos buscando a Unidade da Igreja?

Seria válido alcançar a Unidade sacrificando no altar da ignorância todos os nossos parâmetros absolutos, reduzindo tudo a uma mera questão de opinião relativa?

Acaso o Evangelho Puro e Simples de Jesus é isso? Apenas um conceito e opinião particular de seus discípulos? Além disso, será que todas as opiniões e interpretações que fazem do Evangelho possuem fundamento de validade? Será que todos aqueles que atualmente falam em nome de Deus e pregam o evangelho estão com a razão?

Para todas essas perguntas, eu acredito que a resposta seja não! Portanto não creio que haja comunhão entre a Igreja e aqueles que se prostituem com Mamon, ainda que tal prostituição seja regada de boas intenções em nome do Evangelho, visto que ninguém pode agradar a dois Senhores de natureza tão distinta.

Ultimamente sob o pretexto de “ganhar almas” muitas coisas que não se enquadram nas escrituras e que NÃO são do Evangelho tornaram-se aceitáveis no meio gospel. Até mesmo receber R$50 milhões a título de direitos autorais de louvores a Deus, os quais de Deus foram recebidos de Graça!

Por isso, mais uma vez digo em voz profética, ai dos que chamam de mau aquilo que é bom e que chamam de bom aquilo que é mau; que fazem a luz virar escuridão e a escuridão virar luz; que fazem o amargo ficar doce e o que é doce ficar amargo!

Conheça a verdade e ela te libertará! Esta verdade, da qual falou Jesus, ela pode sim ser plenamente conhecida, sendo que este é o Evangelho Puro e Simples! Não é apenas questão de opinião particular, mas algo que espiritualmente todos discernem e sabem exatamente o que é, mas poucos são aqueles que realmente querem aceita-lo e viver por ele.

O Evangelho puro e simples é comparável a água… quanto menos cor, gosto e cheiro tiver, mais puro será! Irônicamente e paradoxalmente, aquilo que é essencial ao Evangelho e a saúde espiritual do cristão, é exatamente isso que alguns querem tirar, sendo que cada um tenta apresentar seu “evangelho” com uma cor, um gosto e um cheiro diferente!

Oh insuportável simplicidade! Ainda hoje rejeitam o maná preferindo os temperos do Egito!

Belo Horizonte, 12/10/2011

Mariel M. Marra

Anúncios

5 comentários em “Protestos pacíficos marcaram a Marcha pra Jesus BH / 2011

  1. Ricardo Kakas
    09/11/2011

    Bom, a princípio o Pastor Linhares deu um tiro no pé ao criticar o protesto, nem governantes fazem isso mais! Democracia e as faixas são todas irrepreensíveis! Por outro lado, ainda não foi demonstrado por vcs uma proposta plausível e aplicável desse evangelho puro e simples apregoado, apenas palavras rasas e um romantismo filosófico, mas nada ainda impactante. Ainda não se viu ninguém com coragem de apontar o caminho com clareza e intepridez, isso sem falar que evagelho é demonstração de espírito e de poder e não de teologia humana. O protesto é legal, as faixas demonstraram o que é $how, mas como o evangelho deve ser vivido hoje em dia não foi demonstrada de forma simples e pura como se propõe!

    Curtir

    • Estrangeira
      09/11/2011

      Ricardo, Graça e Paz.

      Nossa proposta não tem nada de novo, pois o que desejamos é que a prática do Evangelho de Cristo, inspirado pelo Espírito Santo, seja feita por todo aquele ou aquela que se denomina “evangélico”.
      Queremos dar um basta no evangelho místico, dos mercadores da fé, que escondem a verdade dos seus membros em busca de idolatria a seus ministérios. Por isso proclamamos a todos: “VOLTEMOS AO EVANGELHO PURO E SIMPLES, O $HOW TEM QUE PARAR”, chega de evangelho mercadólogico. A igreja precisa assumir sua responsabilidade social e fazer realmente diferença no mundo.
      Queremos uma igreja que seja notada não pela vergonha dos escândalos, mas pela demonstração de amor e solidariedade para com os que sofrem.
      Que a igreja seja realmente casa de misericórdia, e não casa da “moeda”, onde o nome de Jesus é o produto a ser barganhado.
      Enfim, queremos simplesmente, nada mais e nada menos, que “…os adoradores, adorem em Espírito e Verdade…”.

      Paulo e Vera Siqueira

      Curtir

  2. Breno
    10/11/2011

    Contem comigo para a próxima manifestação….

    Curtir

  3. Parabéns a este blog e pelo movimento realizado!! Alguém tinha que fazer alguma coisa, e esse alguém foram vocês! Parabéns pela iniciativa, e quando houver o próximo “Marcha pra Gizuz” aqui em Maceió, quero fazer o mesmo!!

    Curtir

  4. CLAUDIO ACCONCI
    08/12/2011

    A PAZ: JÁ ESCREVI ANTERIORMENTE NO SEU BLOG, ADMIRO SUA POSTURA ÉTICA. NO INTERIOR AINDA ESTAMOS NOS PRIMÓRDIOS DA CONSCIENTIZAÇÃO, AQUI AINDA IMPERA O LEGALISMO DOS COSTUMES, MAS INDUBITAVELMENTE ESTÁ CHEGANDO O APOSTOLADO E PATRIARCADO. POR FAVOR VENHAM PARA O INTERIOR ALERTAR OS AVIVAS E ABLAS GOSPEL.
    UM ABRAÇO EM CRISTO

    PR CLAUDIO ACCONCI
    prclaudio-acconci@bol.com.br

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: