Uma estrangeira no mundo

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

A parábola do joio e do trigo é mesmo desculpa para não fazermos nada contra os líderes heréticos gospel?


blog56 “Propôs-lhes outra parábola, dizendo: O reino dos céus é semelhante ao homem que semeia a boa semente no seu campo;
Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se.
E, quando a erva cresceu e frutificou, apareceu também o joio.
E os servos do pai de família, indo ter com ele, disseram-lhe: Senhor, não semeaste tu, no teu campo, boa semente? Por que tem, então, joio?
E ele lhes disse: Um inimigo é quem fez isso. E os servos lhe disseram: Queres pois que vamos arrancá-lo?
Ele, porém, lhes disse: Não; para que, ao colher o joio, não arranqueis também o trigo com ele.
Deixai crescer ambos juntos até à ceifa; e, por ocasião da ceifa, direi aos ceifeiros: Colhei primeiro o joio, e atai-o em molhos para o queimar; mas, o trigo, ajuntai-o no meu celeiro.” – Mateus 13:24-30

Em muitos dos comentários que recebo neste blog criticando o fato de aqui haver denúncias de líderes evangélicos que ensinam doutrinas contrárias ao verdadeiro Evangelho de Cristo a desculpa é: “veja a parábola do joio e do trigo, temos que deixar os dois crescerem juntos e no final Deus fará a divisão. Se tirarmos o joio antes poderemos arrancar o trigo junto blábláblá”. Mas será que isso procede?

Para essas pessoas que temem “tocar nos ungidos do Senhor“, o entendimento desta parábola é a seguinte:

Joio: os maus pastores;
Trigo: os bons pastores;
Semeador: Jesus;
Inimigo que semeou o joio: diabo;
Campo: a Igreja.

O grande problema está na interpretação dos itens joio, trigo e campo. Isso fica claro quando lemos não apenas esta parábola, mas o capítulo inteiro.

Assim, no final do capítulo Jesus explica a parábola para seus discípulos:

“Então, tendo despedido a multidão, foi Jesus para casa. E chegaram ao pé dele os seus discípulos, dizendo: Explica-nos a parábola do joio do campo.
E ele, respondendo, disse-lhes: O que semeia a boa semente, é o Filho do homem;
O campo é o mundo; e a boa semente são os filhos do reino; e o joio são os filhos do maligno;
O inimigo, que o semeou, é o diabo; e a ceifa é o fim do mundo; e os ceifeiros são os anjos.
Assim como o joio é colhido e queimado no fogo, assim será na consumação deste mundo.
Mandará o Filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu reino tudo o que causa escândalo, e os que cometem iniqüidade.
E lançá-los-ão na fornalha de fogo; ali haverá pranto e ranger de dentes.
Então os justos resplandecerão como o sol, no reino de seu Pai. Quem tem ouvidos para ouvir, ouça.” – Mateus 13:36-43

Ou seja, esta parábola refere-se a uma alegoria do final dos tempos, que está descrito no livro de Apocalipse e em passagens de Daniel. Não tem nada a ver com se calar ante os desmandos e as heresias pregadas nas igrejas. Ao contrário, a esse respeito o Apóstolo (de verdade) Paulo é muito claro:

“Já por carta vos tenho escrito, que não vos associeis com os que se prostituem;
Isto não quer dizer absolutamente com os devassos deste mundo, ou com os avarentos, ou com os roubadores, ou com os idólatras; porque então vos seria necessário sair do mundo.
Mas agora vos escrevi que não vos associeis com aquele que, dizendo-se irmão, for devasso, ou avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubador; com o tal nem ainda comais.
Porque, que tenho eu em julgar também os que estão de fora? Não julgais vós os que estão dentro?
Mas Deus julga os que estão de fora. Tirai pois dentre vós a esse iníquo.” – 1 Coríntios 5:9-13

O Apóstolo Paulo deixa bem claro que não compete aos cristãos julgar os não-cristãos, mas sim julgar os que se dizem irmãos em Cristo. E não apenas julgar, mas sequer se associar com quem, dizendo-se cristão, age em desconformidade com o cristianismo. Paulo chega a ordenar a expulsão da comunidade cristã de um desses.

E ainda assim, acreditem, tem gente que prefere acreditar no discurso de seus líderes gospel a buscar na Bíblia para ver se realmente é assim!

Pode parecer uma perda de tempo ter que explicar o que já está explícito na Bíblia, no caso a parábola do joio e do trigo. Mas acredite, há muita gente que precisa dessa explicação, pois se acostumou (e se acomodou) a pensar que basta ler os versículos que o pastor citou no culto e está tudo bem, afinal se o cara é pastor não erra nunca.

Pois bem, é bíblico, lícito e necessário denunciar as mazelas dentro do universo cristão, até para que os lobos travestidos de ovelhas sejam expostos e deixem de enganar o rebanho. Penso que isso ficou bem claro.

Voltemos ao Evangelho puro e simples,
O $how tem que parar!

9 comentários em “A parábola do joio e do trigo é mesmo desculpa para não fazermos nada contra os líderes heréticos gospel?

  1. RogerioLázaro
    06/10/2013

    “Pode parecer uma perda de tempo ter que explicar o que já está explícito na Bíblia…”
    Mas, ainda assim, vai ter gente não entendendo!
    (ou preferindo não entender…)

    Curtir

  2. Nice
    06/10/2013

    Adorei essa postagem e concordo plenamente !!!!

    Curtir

  3. David Oliveira
    07/10/2013

    Totalmente apoiada. David Oliveira

    ________________________________

    Curtir

  4. Minha irmã querida, muito bom seu comentario, esclarecer as pessoas sempre é bom, e podemos ter certeza que o nosso Maravilhoso DEUS está ciente e julgará com justiça. Fica na paz de nosso Senhor JESUS.

    Curtir

  5. Marcia
    09/10/2013

    Ai daqueles que trazem escandalos à Igreja do Senhor. Sinto me mais que escandalizada pela maneira que as pessoas conhecedora da Palavra tem agido contra a Igreja dos Senhor. Mesmo a Igreja de Laodiceia (uma igreja morta) pertence ao do Senhor (Ap. 2 e 3 fala a mensagem do Senhor para vários tipos de Igreja) A disc iplina, o julgamento e as consequências: tudo pertence ao Senhor da Igreja. Clamo a Deus:volte logo, Senhor, antes que a esperança (fé) se consuma, não pela guerra com o Diabo, mas pela dureza de coração dos soldados de Cristo. Casa divida, raça peçonhenta,sepulcros caiados… quão duras são estas palavras, mas foram ditas para aqueles que diziam servir a Deus. Todos compareceremos diante do Senhor e daremos conta das nossas semeaduras. Que a graça, a paz e a misericordia do Senhor seja com todos os que amam a Jesus e lutam para que sua luz brilhe nestes dias de trevas, arrebatam vidas da perdição para a salvação em Jesus.

    Curtir

  6. Detetive Gomes
    12/10/2013

    Excelente explanação. Perfeito.

    Curtir

  7. metafisico
    14/10/2013

    Que poder tem alguns evangélicos de distorcer o que está escrito!!Incrível, se algum texto não depõe a favor daquilo que eu creio….eu o reinterpreto!!Como se o próprio Cristo não tivesse dado a interpretação,ou a explicação da sua parabola!!Irmãozinho!!!Distorcer a verdade,é depor contra o cristo!!
    Joio: filhos do ‘maligno
    Trigo: filhos do reino
    Semeador: Jesus;
    Inimigo que semeou o joio: diabo;
    Campo: o mundo
    Quem faz a colheita: Os anjos.

    Os filhos do Diabo, seguem o espirito do seu pai MENTEM!!

    Curtir

  8. metafisico
    14/10/2013

    Como posso crer que todos são filhos de Deus, se o próprio Cristo fez diferença? Como afirmar que Deus criou Todos , se Cristo afirma que alguns não o são?Ja pensou se Cristo não parasse para explicar a tal parábola?Como vc consegue dormir semeando um engano? Nascí ouvindo mil explicações sobre o que seria joio e trigo,nunca a verdade!!

    Curtir

  9. inaldo jose
    26/09/2014

    Parabens pelos sábios comentários: diria que o contexto dessa parabola é um convite a refletir sobre todas as áreas de nossa vida. Jesus disse: “… … orai e vigiai…” logo, se temos um inimigo que nos ronda 24 horas, “…como um leão..” não podemos dormir espiritualmente falando. Então aqui finalizo meu singelo comentário perguntando: como estar a sua vinha pessoal?; como estar a sua vinha familiar?; como estar a sua vinha social?. Tem vc exercido o seu sacerdócio sobre elas com dignidade? Ouvc deu uma cochilada e o inimigo semeou o que não presta já? Na verdade, que Deus tenha misericordia de nós! E que tenhamos ouvido para ouvirmos e guardarmos a santa e gloriosa Palavra de Deus!!!!

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Informação

Publicado às 06/10/2013 por em Ser estrangeira e marcado , , , , , , , .
%d blogueiros gostam disto: