Uma estrangeira no mundo

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Apareceu um vídeo do Protesto na Marcha para Jesus 2011


O Laudinei do blog Exemplo Bereano nos mandou o vídeo abaixo, que mostra momentos depois das nossas faixas serem arrancadas de nossas mãos, conforme relato do artigo Roubados e Agredidos na Marcha para Jesus 2011. Em certo ponto do vídeo, o Josef e eu somos entrevistados por uma repórter da Folha (a moça de blusa com listras vermelhas e brancas). Essa repórter presenciou quando fui agredida enquanto estava na frente do trio-elétrico dos hernandes e cia, e o segundo roubo das faixas, quando estávamos em cima do canteiro lateral. Logo depois, alguém anônimo começou a nos filmar com seu celular, e o resultado está aí.

O mistério é: por que a Folha de São Paulo não publicou sobre o protesto, as agressões, o roubo das nossas faixas de forma totalmente fascista? Será que, como soubemos por um jornalista amigo nosso, a cobertura da Marcha foi “comprada” pela liderança do evento, e que por isso os meios de comunicação ficaram impossibilitados de divulgar fatos contrários?

Esse é o primeiro dos vídeos. Com certeza outras pessoas também filmaram com seus celulares. Que Deus os encoraje a também publicar o que viram, para que a verdade se estabeleça.

Como gosta de citar o Silas Malafaia, o convidado de honra do trio-elétrico dos hernandes:

Porque nada podemos contra a verdade, senão pela verdade – 2 Co 13.8

VOLTEMOS AO EVANGELHO PURO E SIMPLES
O $HOW TEM QUE PARAR! 

Anúncios

Um comentário em “Apareceu um vídeo do Protesto na Marcha para Jesus 2011

  1. Moacir Teles Maracci
    18/07/2011

    Irmã Vera, creio não ser misteriosos os motivos da Folha, bem como dos demais veículos do patronato midiático. Basta pensar a quem servem certas lideranças pseudo-evangélicas. Tanto quanto a elite política e econômica desse país, esses “pastores” simplesmente detestam povo, do qual esperam apenas dízimos e votos, e mesmo assim, olhem lá. Como não há mistérios sobre a não divulgação da tragédia do metrô paulistano, por exemplo. Graça e Paz.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: