Uma estrangeira no mundo

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós outros, me odiou a mim." – Jo 15.18

Thalles Roberto anuncia sua saída do gospel: assumindo a troca dos 3 por 1


thallessaiNum vídeo recentemente divulgado, o cantor Thalles Roberto diz que deixará a música gospel para ir tocar música secular. Até aí nada de mais. Até uma atitude honesta, pois se a intenção é ganhar muito dinheiro cobrando cachês o melhor é que se cante sobre qualquer coisa, ao invés de dar uma de “levita” (?) e dizer que canta para Deus.

O que me incomoda não é nem o Thalles largar o gênero gospel. O que me incomoda são as palavras que ele usou, e que revelam as intenções do seu coração.

Assistam ao vídeo (3 minutos):

(Se não conseguir assistir por estar bloqueado – pois ele está bloqueando a todos os que postam no Youtube, embora adorem pregar “liberdade de expressão” – assista no Facebook: https://www.facebook.com/marcosvfrade/videos/1036262429726092/?fref=nf)

Ouviram?

“Quando você é rico, quando você é inteligente, quando você tem tudo a máquina roda sozinha!”

“Eu sou o diferente no meio dos gospel. Senhor, mas eu estou acima da média!”

(O suposto senhor respondendo) “Você está acima da média porque está no meio de gente fraca. […] Eu quero ver você lá fora.”

“Música gospel é tudo igual, desculpe a expressão. Qualquer um escreve e faz.” – aqui faço um adendo, pois Thalles assume o lado totalmente comercial da música gospel. Assim, se você é daqueles que acreditam na pureza de intenções dos artistas gospel, e que o alto cachê é para o trabalhador digno do seu trabalho, acorde enquanto é tempo!!!

“A música é mais poderosa que as palavras.” (após usar o exemplo que o tal senhor dele contou: que ninguém se lembra do sermão do ano passado, mas que se lembram de Let It Be, canção dos Beatles de décadas atrás).

Eu creio que Deus fale com as pessoas, mas creio também que Seu nome é usado muitas vezes em vão para justificar nossas vontades. Assim, se eu sou um líder gospel e quero aumentar a arrecadação, chego para minha congregação e digo que “deus” disse que naquele mês não é para os fiéis darem o dízimo, mas sim o trízimo. E em nome de Deus muitos matam, muitos roubam, muitos se beneficiam em detrimento dos demais.

Alargando o caminho, que tava muito estreito

Alargando o caminho, que tava muito estreito

Como já disse, é muito honesto o Thalles ir cantar em outra freguesia e ir ganhar dinheiro lá, pois usar o nome de Deus para ganhar dinheiro é uma grande e profunda abominação. O que me entristece é que o tal cantor não mudou nada. Continua arrogante, se achando a última bolacha do pacote, adotando a premissa gospel do ser cabeça e não ser cauda ao invés da premissa cristã do maior servir ao menor. E continua espiritualizando seus negócios, agora dizendo que vai ganhar dinheiro com música secular por ordenança divina. Na verdade, desde o final do ano passado já havia assinado contrato com a Motown.

Mas nada disso deveria surpreender (O $how do Thalles Roberto tem que parar!).

Enfim, tal cantor dizia que cantava e ganhava dinheiro em nome dos 3 (supostamente Pai, Filho e Espírito Santo). Porém, a partir de agora ele assume ganhar dinheiro, fama, sucesso e tudo o que essas coisas trazem ao ser humano em nome de 1 (Mamom). Se tudo isso fosse bom, Jesus nos incentivaria a buscar a riqueza e a fama. Porém Jesus nos incentiva a buscar primeiramente o Reino de Deus e a sua justiça, e outras coisas (que no contexto da passagem são comer, beber, o básico para a subsistência, e não os tesouros, o melhor dessa terra, como ensinam os falsos profetas dos dias de hoje) serão acrescentadas por Deus.

Leia Lucas 12 inteiro para entender o que Jesus acha da busca por riquezas terrenas e Sua explicação sobre a provisão de Deus na vida dos seus filhos. Leia agora. Vale a pena.

“Ah, mas se não ganhar dinheiro com cachês, como os cantores gospel vão sustentar suas famílias?”

A questão é: se você vai fazer algo para Deus, não deve cobrar por isso. E se você realmente crê que Ele provê, não precisará estipular preço para pregação ou louvor.

Como antítese a Thalles Roberto e tantos outros “artistas gospel”, replico abaixo a história de Keith Green (extraído do Blog Sandro Baggio):

keithKeith Green: Exemplo de Músico Cristão

Você já ouviu falar de Keith Green? Ele teve carreira curta, de apenas 5 anos e oito discos gravados, sendo três destes lançados após sua morte. Mas, como disse Tony Campolo, raramente um músico tem sido um profeta tão grande como ele foi. Nunca um cantor desafiou tantas pessoas a se tornarem missionários e viverem uma vida santa diante de Deus e do mundo. Esta é uma pequena biografia deste profeta e músico para desafiar aqueles que desejam fazer música para Deus nesta geração.

Vindo de uma família de artistas, Keith começou a tocar piano com 5 anos de idade e a compor aos 8 anos. Com 11 anos ele teve seu primeiro disco “Cheese And Crackers” lançado em janeiro de 1965 pela Decca Records. Com este disco, Keith tornou-se o mais jovem membro da Sociedade Americana de Autores, Compositores e Publicadores (ASCAP). Infelizmente, com o passar dos anos, a fama prematura do garoto Keith Green se dissolveu, apesar dele continuar compondo e aparecendo em algumas apresentações de TV.

A família de Keith seguia um alto padrão moral e ele era um bom garoto. Sendo assim, ninguém sabe o que o levou a fugir de casa em duas ocasiões diferentes – aos 16 e aos 17 anos. É provável que o espírito rebelde que pairava no Sul da Califórnia naquela época o tenha influenciado. Em sua segunda fuga ele mergulhou no LSD e numa busca profunda por um sentido na vida. Após ter tentado em várias seitas orientais e comunidades hippies, Keith chegou à conclusão de que Jesus deveria ser a verdade. A partir de então ele começou a usar uma cruz de prata que havia comprado por 10 dólares em uma loja de antigüidades.

Em meados de 1973 Keith Green encontrou Melody. Ela também era artista, estava envolvida com drogas e já havia buscado a verdade no budismo e em outros grupos. Eles se casaram no dia 25 de dezembro de 1974 – em homenagem a Jesus – e começaram a compartilhar o sonho de Keith: ser descoberto por um caçador de talentos e tornar-se um artista famoso. Embora estivessem lendo a Bíblia e certos de que Jesus era a verdade, eles ainda não aceitavam o fato de Jesus ser Deus. Além disso continuavam a usar drogas ocasionalmente. Mas através de contatos com artistas cristãos como Randy Stonehill e Larry Norman, Keith e Melody começaram a conhecer alguns cristãos verdadeiros que passaram a ajudá-los na busca por Deus. Foi durante este tempo que ele escreveu canções como “Jericho” e “The Prodigal Son Suite” que se tornariam clássicos da Música Cristã Contemporânea.

Em 1975, após ouvir um sermão na igreja Vineyard Christian Fellowship, Keith e Melody decidiram entregar suas vidas totalmente a Jesus, aceitando-O como Senhor e Salvador, reconhecendo-O como único e verdadeiro Deus. Esta decisão mudou os rumos da vida do jovem casal. Eles passaram a viver em função de anunciar a verdade do Evangelho para seus amigos e a qualquer outra pessoa que encontrassem. Perceberam também que precisavam fazer algo prático para aquelas pessoas que se convertiam, mas que precisavam de um “abrigo cristão” antes de poderem enfrentar o “mundo lá fora”. Logo a casa deles havia se transformado em um abrigo, cheia de novos convertidos, ex-hippies e ex-drogados, mães solteiras e qualquer pessoa que precisasse de um refúgio temporário.

Após sua conversão Keith decidiu não fazer nenhuma performance pública até ter certeza de que essa era a vontade de Deus para sua vida. Ele continuou compondo e tocando, mas para si somente. Sua fonte de renda nesta época vinha de um contrato de compositor que ele tinha com a CBS. Foi somente em meados de 1977 que o primeiro disco de Keith Green, “For Him Who Have Ears to Hear” (Para quem tem ouvidos para ouvir) chegou às livrarias cristãs. Este disco tornou-se o maior álbum de estréia na história da música cristã, com mais de 300 mil cópias vendidas. O resultado foi que, de um artista totalmente desconhecido, Keith Green logo tornou-se um dos mais populares e procurados cantores do cenário da música cristã.

Junto com seu primeiro disco, Keith e Melody decidiram fundar o Last Days Ministries, como um meio de manter contato com seus fãs e difundir suas idéias e conceitos cristãos. Graças a este ministério, a mensagem de Keith Green continuou sendo distribuída através de folhetos e livros mesmo depois de sua morte.

Nos anos seguintes, Keith Green gravou “No Compromise” (1978) e “So You Wanna Go Back to Egypt” (1980). Em 1981 uma coletânea com alguns de seus maiores sucessos e outras canções inéditas foi lançada. Keith Green era então o maior nome da Música Cristã Contemporânea americana. Mas apesar de amar a música e compor com uma tamanha flexibilidade e facilidade, Keith estava tremendamente preocupado com o conteúdo espiritual de suas canções. E estava igualmente preocupado com a condição espiritual de seus ouvintes. Por este motivo, seus concertos começaram a tomar um rumo cada vez mais de ministração através da música e da pregação da Palavra do que um mero entretenimento. De fato, Keith Green odiava a idéia de “entretenimento cristão”.

O escritor Leornardo Ravenhill diz o seguinte acerca de Keith:

“Keith tinha fome por conhecer aqueles heróis que moveram suas gerações para Deus e ele seguia seus passos. Ele tinha um zelo santo e uma pureza que eu tenho visto em poucas pessoas. Eu não acho que Keih estava preocupado com o evangelho de Cristo o tanto quanto ele estava preocupado com a pessoa de Cristo. Eu acho que era esta sua maior paixão. (…) E ele derramava esta paixão do interior de sua alma através das letras vibrantes de suas canções.”

“Songs For the Shepherd”, o quarto disco da carreira de Keith Green foi lançado em abril de 1982. Após o lançamento do disco, Keith e Melody decidiram fazer uma viagem de férias pela Europa visitando várias bases missionárias da JOCUM. Na ocasião eles visitaram o navio Anastasis na Grécia, que havia sido adquirido pela missão e estava sendo reformado para o ministério. Keith ficou empolgado com o que viu. Ao retornar para os Estados Unidos ele começou a pensar seriamente em dedicar sua música e ministério para o despertamento de jovens para missões. Seu sonho era ver 100 mil jovens indo para o campo missionário. Algumas de suas novas canções como “Open Your Eyes” (Abra seus olhos) e “Jesus Commands Us to Go” (Jesus nos manda ir) começavam a refletir este desejo.

No dia 28 de julho, Keith estava em seu rancho e sede do LDM no Texas quando decidiu levar uma família de missionários que estavam visitando-o, para uma vista aérea do local. Doze pessoas decolaram no pequeno avião Cessna 414 naquela tarde quente de verão para aterrizarem na eternidade. Além do piloto, da família de missionários e de Keith, seus dois filhos mais velhos, Josiah de três anos e Bethany de dois, também morreram. A notícia do desastre foi um choque para a comunidade cristã. Dez dias após o trágico acidente que tirou a vida de Keith Green, o navio Anastasis ancorou em um porto na Califórnia em sua primeira viagem. Keith estava tão entusiasmado com a visão que havia enviado 28 mil dólares para cobrir as despesas da viagem de seis dias e a taxa da travessia pelo Canal do Panamá. Ele havia planejado estar lá para saudar a chegada do navio. Não pode ir. Mas quando o Anastasis atracou nas docas, o sistema de som local tocava “Santo, Santo, Santo…”. Sua voz podia ser ouvida adorando aquele a quem ele tanto amava e na presença de quem agora estava.

Após a morte de Keith, Melody Green organizou um Concerto Memorial que foi levado a diversas cidades americanas. Como resultado deste, milhares de jovens se envolveram com programas missionários através de organizações como Jovens Com Uma Missão (JOCUM) e Operação Mobilização (OM). Em 1989, Melody lançou “No Compromise”, um livro vibrante com a história da vida de Keith Green. Três anos depois, por ocasião dos dez anos de sua morte, um grupo de artistas cristãos famosos como Petra, Margaret Becker, Russ Taff e outros, reuniu-se em uma coletânea com algumas de suas músicas mais conhecidas. Desta forma a música de Keith Green continuou a ser ouvida pela geração mais jovem da Música Cristã Contemporânea.

Que o exemplo de compromisso com Deus e com a santidade deixado por Keith Green possa ser um desafio a todos nós chamados para brilhar como astros no meio de uma geração corrompida e perversa.

E mais!!! (Wikipedia)

Em 1979, depois de negociar o encerramento de seu contrato com a produtora Sparrow, Green sentiu-se direcionado por Deus a não mais cobrar dinheiro por suas apresentações e seus discos e lançou a política do “pague o que puder”. Keith e Melody hipotecaram sua casa para financiar pessoalmente o próximo álbum, “So You Wanna Go Back To Egypt”, que incluiu uma participação especial do cantor Bob Dylan, que na época vivia sua fase cristã. O disco foi oferecido através do correio e nos shows pelo valor que cada a pessoa decidisse pagar, se quisesse pagar. Em Maio de 1982, Green tinha enviado mais de 200.000 unidades de seu álbum via correio. Desses, por 61.000 ele não recebeu nada, foram todos gratuitos. Posteriormente da mesma forma os álbuns “Keith Green Collection” (1981) e “Songs For The Shepherd” (1982). Quando sua música foi enviado para as livrarias evangélicas, um segundo foi incluído de forma gratuita para todos os cassetes comprados, para serem dados de presente a um amigo para ajudar a difundir o evangelho. Ou seja, o lucro era zero.

Posteriormente a política do “pague o que puder” foi estendida a todos os seus outros álbuns e materiais produzidos pelo seu ministério.

E então? Entendeu a diferença entre ser cantor gospel e ser músico cristão? E você estaria disposto a agir como Keith Green agiu, ou prefere continuar na segurança que o mundo dos negócios gospel lhe dá?

Oremos pelo Thalles. A porta para onde ele caminha está larga demais.

Voltemos ao Evangelho puro e simples,
O $how tem que parar!

 

Anúncios

35 comentários em “Thalles Roberto anuncia sua saída do gospel: assumindo a troca dos 3 por 1

  1. José Antonio de Abreu Xavier
    18/07/2015

    Essa conversinha de que a música é mais poderosa do que a palavra é uma grande mentira, na qual ele quer acreditar. Nunca foi,e nem vai ser. O que acontece é que a música tem uma grande penetração e é decorada mais rapidamente. Mas pergunte a qualquer um que seja como se deu a conversão dela e ela vai te dizer que foi só e tão somente pela palavra pregada.O que ele faz é atrair uma grande multidão com a sua voz e cantar o que elas gostam de ouvir. Ai ele fala o que elas querem ouvir e depois do show todos vão para suas casas felizes e alegres com seus egos amaciados. Ele, por sua vez, recebe o seu cachê e parte para o próximo compromisso profissional. É só isso e ponto final, mas onde fica a mensagem de arrependimento? de levar a cruz? de seguir a Jesus sem questionar o preço? Onde fica a mensagem que leva o pecador para o Céu? Essa mensagem não é pregada. Desafio a qualquer que me mostre um show do Thalles onde isso tudo acima tenha acontecido. Não vai achar, não tem. Mas, no entanto achamos coisas vergonhosas como a desse show que ele fez, onde, praticamente chamou os outros cantores e cantoras de fracos e deficientes e ele está acima de todos. Lembro-me da vergonha que foi quando de sua apresentação em um determinado local e o Pastor pediu a palavra para suspender o programa, pois havia o risco para os que estavam assistindo o show por causa do excesso de pessoas, e ele nem procurou ajudar o Pastor na conscientização das pessoas que lá estavam, preferindo retirar-se. Eu já ouvi esse papo furado de outros cantores denominados “Gospel” (que o diga a “irmã” Baby Consuelo), isso me parece mais uma desculpa para ampliar seu mercado consumidor. Dizer que vai gravar uma música sem o nome de Jesus Cristo, sem Espírito Santo, sem falar em cruz, está me soando mais para o cachorro que volta para o vômito e a porca lavada que retorna para a lama.

    Curtir

    • deni
      19/07/2015

      Amigo não é uma mentirinha que ele quer acreditar, é uma mentirinha que ele quer que seus seguidores acreditem, ele sabe muito bem o que esta fazendo, nesses shows ele apenas massageia o seu ego (antes nunca conseguira destaque no meio secular) e leva ao êxtase um bando de adolescentes fanáticos que estão ali para saciar o desejo da carne do mesmo modo que no mundo!

      Curtir

  2. Míchela Santana
    19/07/2015

    Apostasia!!!Ainda não entendo o porquê nos admiramos???? Isso é Bíblia!! Final dos tempos, filhinhos…

    Curtir

  3. janaina queioz
    19/07/2015

    Também não me surpreende tal coisa se sabemos que as coisas só tendem a piorar, temos é que parar de mimimimi e cuidar de nossas lâmpadas para que não se apague e alcançar mais pessoas possíveis para o reino, pois Cristo está voltando e só vai quem estiver verdadeiramente firme.

    Curtir

    • ana paula
      20/12/2015

      e verdade todos aqueles que tiverem firmes que continuem ,pois o final dos tenpos esta se aproximando,fiquem firmes e oremos por ele

      Curtir

  4. anonimo
    20/07/2015

    Se isso que estão falando do tales for verdade,

    Verdade seja dita, a Igreja está cheia de tales por aí.

    Pessoas que não possuem identidade, endereço cristão aparecem do nada vendendo seus cds. Cantando e tal.

    Se você for na minha igreja e não se identificar como deve ser, tipo: meu nome é beltrano, sou membro da igreja tal desde tanto, endereço tal, meu pastor presidente é o ciclano, vou crer que você está caído e andando pelas igrejas como ovelha perdida e como está perdido como pode a sua palavra ter crédito na igreja.

    Como esse tales há também muitos cantores com vozes lindas e que possuem seus contratos com as suas gravadoras, mas sem ser membro de igreja alguma, e a maioria das letras das suas músicas não tem compromisso com a Bíblia, utilizam os verbos totalmente errados, que em pouco estas letras louvam a Deus de verdade. São simplesmente melodias bonitinhas.

    Esse tales apareceu do nada e já vai sumir do nada, se já não sumiu, para mim ele nunca existiu, não sei quem ele é, já ouvi falar dele, nunca comprei seu cd nem vou comprar. Que Deus tenha mais misericórdia dele, pois satanás está com muita vontade de ceifar a sua vida, como a de todos na terra. Se ainda não o fez foi por que Deus não permitiu. A família dele deve orar por ele, e na mão do capeta eu já sei o fim disso. É vala, destruição, consumo de drogas ilicitas, por aí vai.

    Curtir

  5. Jacob Lima
    24/07/2015

    A idolatria agora, pelo menos, ficará fora do circo gospel. Fã clube, bonequinho (ídolo) e Bíblia (falsificada). Seria bom que todos os seus adoradores fossem junto com ele. Ficaria menos feio pra igreja evangélica brasileira. Realmente, o show precisa acabar e a gente voltar ao evangelho puro e simples!

    Curtir

    • Leandro Magalhães
      27/07/2015

      Que isso irmão? Temos que odiar o pecado e não o pecador. Vamos orar por ele para que se converta verdadeiramente e que Deus possa estar em primeiro lugar na vida dos seguidores do Thalles. Amem?

      Curtir

  6. JAIMARSA
    25/07/2015

    NAO GORTEI THALLES

    Curtir

  7. Sandra Leite
    28/07/2015

    Só tenho uma coisa a dizer. Como Deus não se brinca. E o arrependimento dele será doloroso.

    Curtir

  8. Regina
    09/08/2015

    A cena da pedra sendo atacada na pecadora se repete sempre na Igreja, é sempre pelas mãos dos conhecedores da palavra. A tal estrangeira assim como seus seguidores são imunes ao pecado, nunca sequer deram uma brecha, seguem plenamente a palavra, jamais se desviaram nem mesmo com iniquidades ou transgressões? Ah tá …vou acreditar rsrs. Não há um justo nenhum sequer, nem mesmo Davi (aquele que vcs leem os salmos e pregam a história) mesmo após ser ungido e de ser usado por Deus, matou, adulterou e se arrependeu…Deus se agradou do coração dele. ahh mais Davi podia pecar, o Talles não pode??? Precisa ser pregado numa cruz e ser exposto até desistir de caminhar com Jesus. Só vão ficar contentes quando ele largar a músca, o evangelho, se perder no mundo ….pra depois vcs dizerem que eles está colhendo o que plantou? Atire a primeira pedra que não tem pecado, eu não atiro porque muitas vezes o Espirito Santo me convenceu que algumas atitudes que tive eram desagradáveis, então orei me humilhei aos pés de Jesus, pedi perdão e fui perdoada…ahhh mas o Thalles Roberto ..qta falta de amor vocês tem.

    Curtir

  9. Carol
    10/08/2015

    Isso é o verdadeiro falso profeta!

    Curtir

  10. Katia
    09/09/2015

    Olha me admira ouvi isso depois de ter lido o livro e ver a maravilha que Deus fez na vida desse ser humano fraco e pecador.Nao devemos crítica mas também não fechar os olhos para a a realidade.
    Fato è que tá virando moda ser evangélico e canta música do mundo .
    Deus tem um trabalhar na via de cada um diferente.
    Agora me polpa um conhecedor, pastor levita falar essas coisas.

    Vamos lá thalles. Você desviou e está envergonhado de falar.
    Lamento por você porque com Deus não se brinca .
    Ele quer verdadeiros na obra não estrela porque a única que brilha è dele.

    Curtir

  11. mauricio railane Rilza Renilson todos os evangélicos
    16/10/2015

    Meu querido irmão se converta se com Deus vc pensa q não tem nada imagine sem ele quantas pessoas iram desviar tinha vc como um verdadeiro adorador tenha certeza q Deus não estar feliz mas fácil q um camelo entra no fundo de uma agulha do que um rico entrar no reino dos céus

    Curtir

  12. Miram França
    04/11/2015

    Não me admiro com isso, PR Marcos já foi desmascarado, Thalles Roberto, também; só ta faltando PR Silas Malafaia, o que não vai demorar muito !!!

    Curtir

  13. luana
    01/12/2015

    Thallres ,nao sai nao da.presenca de pq Deus pd colocar pd aperder sabe ne pra Deus nd e impossivel volta o meu sonho era eu conher vc e cantar junto com vc mas agora. Eu vir vc tem muito orgulho Deus tem q te ajuda muito vou ora pq vc q Deus te abencoe …..

    Curtir

  14. Luciano
    25/12/2015

    ADORO MÚSICA ADORO JESUS MAS THALLES ROBERTO NÃO ESTÁ ERRADO NÃO FILHO DE POLÍTICO CANTA O QUÊ????????? ACHO QUE THALLES SE PUDESSE SE ABSTER SERIA O MELHOR ENTÃO QUANDO COMPENSA RESSURGE PORQUÊ PARA MIM “ARDE OUTRA VEZ” É UM MARCO DA MÚSICA MUNDIAL OK…

    Curtir

    • claudia
      24/10/2016

      o quem vem de Deus nao se resume em fatos ,atos e coisas passageiras, e sim naquilo que e eterno. tudo nesse mundo e vaidade, no reino de meu pai exite milhares de anjos 24 hs dizendo ´santo,santo,santo. vaiser lugar de pura adoracao, adoracao essa dedicada e exclusiva ao unico digno de receber.nosso Deus e nosso eterno salvador Jesus
      Cristo.nao a um reles po´´ chamado Talles roberto.

      Curtir

  15. Edna
    29/01/2016

    Infelizmente as propostas do mundo tem atraído até mesmo os que conhecem a verdade ,por isso precisamos ter cuidado ,e realmente escolher Deus ,pois o pecado sempre vem e nos chama e estarmos prontos para renunciar as propostas do diabo .

    Curtir

  16. Edna
    30/01/2016

    Infelizmente as propostas do mundo tem atraído até mesmo os que conhecem a verdade ,por isso precisamos ter cuidado ,e realmente escolher Deus ,pois o pecado sempre vem e nos chama e estarmos prontos para renunciar as propostas do diabo .l

    Curtir

  17. Gabriel de Jesus
    13/02/2016

    QUE A PAZ DE JESUS CRISTO ESTEJAM COM VOCÊS

    VEJAM BEM JESUS DISSE NÃO SE CONFORMEIS COM ESTE MUNDO, NÃO DA PARA ACEITAR TAMANHA BAQUICE DESTE MENINÃO ELE FOI SIMPLESMENTE RIDÍCULO, DÓ EU NÃO TENHO PORQUE ELE NUNCA VIVEU A PALAVRA DO SENHOR JESUS, ENTÃO ELE ACHA QUE PODE FAZER O QUE QUISER, MAS CUIDADO THALLES VOCÊ ESTA INDO PARA UM BURACO ONDE NÃO PODERÁ SAIR DE LÁ.
    ENTÃO QUER DIZER QUE COMPOR MUSICA GOSPEL É PARA QUALQUER UM ENTÃO ESTA SE VENDO QUE VOCÊ NUNCA OUVIU FALAR DE ELVIS PRESLEY QUE SUAS CANÇÕES NA SUA MAIORIA ERAM GOSPEL.

    THALLES VAI SAINDO DE FININHO VOCÊ JÃ ERA E QUE JESUS CRISTO TENHA MISERICORDIA DE VOCÊ.

    Curtir

  18. Victor
    15/02/2016

    Vou contar uma pequena parte da história que mudou a vida de muitos desde a morte de Jesus até aqui:
    Vocês se lembram da última ceia? a que Jesus fez antes de ser crucificado? Estava ele e seus discípulos, cujo um homem era seu seguidor conhecido popularmente como Judas, alguém lembra o que ele fez? Então, não é muito diferente aquele tempo da crucificação de Jesus nos tempos de hoje, é sempre no final que alguns despertam o “Judas” que há em si mesmo; Judas trocou Jesus por moedas. A pergunta é : por quanto você trocou Jesus? Espero que tudo que você tem ganhado na terra, seja eterno como a nossa salvação que iremos cultuar louvores ao qual vocês cantores dizem que não é nada, se vocês não se lembram a música é um presente que Deus deixou para nós, como nosso consolador Espírito Santo! Vocês tem tudo, tem ouro, prata, fama e riquezas, no final de tudo usem a corda para se enforcarem quando perceberem que valeu a pena trocar uma vida eterna com o nosso Pai, Senhor e Salvador, o único que deve ser exaltado, engrandecido e bendito em tudo que temos, em tudo que somos… então, use a mesma corda que Judas usou para demonstrar o arrependimento pela escolha errada que ele fez.
    A paz queridos…
    Compositor
    Cantor
    Músico obs: levita!
    E ministro de louvor, Victor.

    Curtir

  19. Patrícia Resende
    06/04/2016

    fico triste porque o capeta não merece um cantor especial como você,que tem essas lindas músicas gospel.que já curou todo tipo de enfermidades.,

    por isso não desperdice seu dom maravilhoso com músicas seculares.pensa bem no que está fazendo.

    Curtir

  20. MARINES L CARMO
    06/05/2016

    AQUELE QUE MORRE PRO MUNDO E VIVE PARA CRISTO ,NADA DESTE MUNDO O FASINA… E ESCRITO ESTÁ: RECOLHEREI PRA MIM UM PEQUENO NUMERO , QUE SEJA ZELOSO, ESPECIAL E DE BOAS OBRAS,E TAMBÉM,,, ACAUTELAI VOS PARA QUE NINGUÉM VOS ENGANE…TEMOS QUE TOMAR CUIDADO POIS ESSE SEU NINGUÉM PODE SER A GLORIA E A FAMA

    Curtir

  21. Gilson Luz
    11/05/2016

    As musicas dele irão passar, como tantas outras, mas a palavra PERMANECERA PARA SEMPRE!

    Curtir

  22. Ams
    11/05/2016

    O povo idiota….faz tanto altar dentro de si…seria tao bom, dizer que sentimos saudade da presença de Deus com mais intesidade..o povo tem facilidade de idolatrar. Voce acha que Jesus nao tinha visto esse lobo no meio das ovelhas? Ele traz a tona qualquer tipo de pecado. E o pecado dwsse lobo foi o mesmo de Lúcifer.

    Curtir

  23. Rodrigo
    07/07/2016

    Esse Talles nunca me enganou, nunca simpatizei com ele, felizmente eu tenho uma sensibilidade muito grande para perceber as intenções das pessoas. Concordo em parte com a matéria, pois o meio da música evangélica tem se tornado um circo ao longo dos anos por causa de algumas pessoas, mas como músico e tendo conhecimento de todos os espinhos que um músico genuíno cristão tem que viver, me enoja quando pessoas vem dizer que o cantor tem que oferecer seus serviços de graça. Infelizmente hoje no Brasil o crente se tornou um povo folgado, querem tudo de graça, e não me venham com esse papo de viver pela fé que Deus tudo proverá porque isso é papo de vagabundo, a Bíblia diz que dígno é o trabalhador de seu salário, o que quer dizer que para ganhar dinheiro tem que trabalhar, e ao contrário do que muita gente pensa, músico trabalha sim, isso é profissão, é trabalho! Música não é de graça, façam um orçamento para ver quanto custa gravar um cd em um bom stúdio, calculem o valor da arte gráfica, fotos profissionais, prensa de cópias, gravação de videoclip para divulgação, registro, e mais um monte de sites e rádios e anúncios na internet que vc tem que pagar para divulgar sua música, e vcs acham que é só chegar lá na cara de pau e pedir pra esse povo todo fazer de graça porque vc é crente? Iamgina se um médico passa a rejeitar o salário e trabalhar de graça porque acha que Deus vai mandar do céu? Isso é estupidez, se Deus já te deu a profissão para viver dela vc não tem que ficar esperando cair do céu. Há igrejas americanas que pagam salários a seus músicos para que estes não tenham que trabalhar fora e possam se dedicar integralmente a obra do Senhor, agora no Brasil existe essa palhaçada de achar que se o músico não passar fome e necessidade é porque ele é do diabo. Agora o que eu acho errado são valores exorbitantes cobrados por estes cantores gopel que estão na mídia e se achando verdadeiros deuses, tem uma cantora aí que tem, milhões de curtidas no facebook que não se mistura nem com os outros famosos porque ela acha que é melhor do que todos, isso é errado, isso pra mim é enriquecimento ilícito, usar a obra de Deus para ficar milionário, agora receber o que é justo para se manter não. Até porque se o cantor não recebe, nao terá dinheiro pra gravar cd que custa uma verdadeira fortuna, aí tem que deixar de cantar pra trabalhar e não morrer de fome. E ainda tem que aguentar a lingua do povo que adora falar da vida alheia sem saber o que cada um passa, só Deus pra ter misericórdia!

    Curtir

  24. abimael
    20/07/2016

    tem um montão como o thlles pelo menos ele foi sincenro e saiu, ao inves de ficar como muitos ganhando dinheiro a custa do nome de DEUS… a hipocrisia que se tem no meio evangelhico hj em dia e graaaanndeeee …

    Curtir

  25. Silva Silva
    30/08/2016

    Sabe qual é o problema? Teologia. Hoje (que “universo Gospel” é rentável) todo mundo quer entrar, então sem um chamado real uma pessoa carismática se forma em teologia, imitam outros crentes repetindo frases espirituais e pronto, todo mundo fala que fulano está cheio do Espírito Santo… Em poucas Igrejas vc encontra um Pastor realmente chamado e que tenha autoridade espiritual pra filtrar quem é pra Ministério. Aí bota pra cantar quem canta bem, bota pra orar que ora bem, bota pra pregar quem fala bem e dá nisso… Dá visibilidade a gente que ainda não conheceu Deus DE VERDADE e que não tem o Espírito Santo correndo o risco deles envergonharem e denegrirem o nome de Deus. Esse negócio de que aceitou Jesus e se batizou e já tem o Espírito é MENTIRAAAAAAAA!!! Só quem tem entende o que estou falando! Enquanto Apolo estava em Corinto, Paulo, atravessando as regiões altas, chegou a Éfeso. Ali encontrou alguns discípulos
    e lhes perguntou: “Vocês receberam o Espírito Santo quando creram? ” Eles responderam: “Não, nem sequer ouvimos que existe o Espírito Santo”.
    “Então, que batismo vocês receberam? “, perguntou Paulo. “O batismo de João”, responderam eles.
    Atos 19:1-3
    Conheço muitos, muitos batizados que estão mais perdido que muitos ateus…
    Espírito Santo é o selo de qualidade de Deus e é pra poucos!!! Quem tem que ore e agradeça por tê-lo recebido… Sinal de um coração sincero e fidelidade eterna…

    Curtir

  26. JOSÉ GONÇALVES
    05/09/2016

    Quem é de Deus ouve e anuncia a palavra de Deus quem não é escolhe o caminho da perdição.

    Curtir

  27. natalino de jesus
    11/09/2016

    O Rei Jesus veio nos libertar das religiões visto que ele mesmo não tinha e nem deixou nenhuma para ser seguida, deixou a si mesmo para ser seguido através da lei da graça que é a nova aliança ou novo concerto. Toda pessoa que um dia confessou Jesus Cristo como salvador passa a receber a influência do Deus Pai e do Deus Filho conforme o mestre disse que Ele e o Pai viria e habitaria em nós, tanto que ao lermos João cap. 14, é notório pelas palavras do próprio Messias que ele era o outro consolador do qual estava se referindo para seus discípulos. O ensino das religiões cristãs chama essa influência de Espírito Santo de Deus mas, discordo da ideia de que o E.S. seja uma pessoa pois o Ap. Paulo inicia todas as suas epístolas mencionando apenas duas pessoas distintas dando-nos a entender que a palavra ‘Deus’ refere-se a Deus o Pai (todo poderoso e criador) e ele coloca Jesus como sendo o nosso Senhor e ‘Deus filho’ (1Cor. 8:6) que está à direita do Pai o qual o ressuscitou dentre os mortos, afinal como alguém pode assentar-se a direita de si mesmo não é mesmo ?! Com base nessa dualidade, podemos concluir tranquila e harmoniosamente que, assim como existe o Deus Pai e Deus Filho, o ser humano é formado de Corpo e Alma afinal a palavra ‘espírito’ na bíblia possui um significado diferente do que a atual doutrina cristã tem difundido dentro das instituições religiosas que engessam a mente de todos os estudiosos e discípulos dessas organizações que não deveria ter fins lucrativos. Pois bem, quando nos deparamos com os textos onde é mencionado que João Batista veio no espírito de Elias Lc1:17 e outro em que Paulo disse que não poderia estar presente com os irmãos mas o seu espírito estava lá 1Co5:3 fica claro que não se trata de uma entidade, basta investigarmos a fundo o contexto que envolve a palavra ‘espírito’ cada vez que a mesma aparecer no antigo e N.T. para concluir então que, o termo ‘espírito’ está relacionado com um conjunto sendo composto de: (palavras, pensamentos, atos e intenções do coração) portanto, a meu ver o ‘espírito’ é a expressão ou exteriorização da alma através de um corpo, que vai definir assim as obras realizadas por uma pessoa que serão julgadas no dia do juízo. É uma contradição alguém ensinar que existe dentro de cada ser humano uma entidade denominada ‘espírito’ e em seguida querer convencer os adeptos do espiritismo que a reencarnação é proibida biblicamente, e que é condenado e abominável por Deus a prática da invocação do ‘espírito’ daqueles que já se foram. Acredito que no dia do juízo cada indivíduo terá que prestar contas sobre seu modo de viver ou seja o comportamento que teve durante sua existência aqui nesta terra (obras) Ap. 20:12,13 principalmente depois de se tornar um crente no Senhor Jesus. Quando alguém diz: Esta criança tem um espírito empreendedor, fica claro que não é o ‘espírito’ de algum empreendedor famoso que viveu nesta terra e agora está reencarnado na criança mas, o seu modo de agir, falar, pensar enfim, de se comportar é que definem isso sendo assim, a dicotomia vai de encontro ao entendimento de que toda pessoa sem a aceitação do Senhor Jesus, vive sob a influência dos espíritos malignos que são aqueles anjos(caídos) que se tornaram demônios junto com o próprio diabo ou satanás, e toda pessoa que aceitou o senhorio de Jesus Cristo em sua vida, passa a receber a influência, ação e direção direto da pessoa do ‘Deus Pai’ e do ‘Deus filho’ em sua vida passando a se comportar de uma maneira diferente de outrora quando estava longe de Deus no mundo perdido portanto sem salvação. Logo, essa nova conduta ou novo nascimento que se dá através da leitura da sagrada escritura e da prática da lei da graça é o que produz no indivíduo a chamada santidade ou seja uma conduta santa e transformada pelo evangelho ficando claro que espírito não é uma entidade e sim o comportamento, modo de agir, pensar, falar, tratar o próximo como o Senhor Jesus tratou, pois ele disse: …Amai-vos uns aos outros como eu vos amei… A palavra ‘espírito’ na bíblia quando se refere aos homens pode ser definida como a expressão da alma através de um corpo. Enfim o ‘espírito’ que Jesus rendeu ao Pai foi o seu modo de viver aqui na terra que agradou em tudo o Deus Pai, pelas suas obras. Sabemos que o Ap. Paulo imitou as obras ou o espírito de Cristo e nos orientou que fôssemos seus imitadores como ele foi de Cristo, portanto se procedermos como os apóstolos nos instruíram, durante toda nossa vida cristã de maneira santa, estaremos tendo um espírito em santificação o qual Deus irá pedir conta no dia do juízo, das obras que executarmos enquanto vivos e convertidos a Cristo. “cada um de nós prestará contas de si mesmo a Deus.” Rm(14:12)

    Curtir

  28. Marina Mesquita
    13/09/2016

    Quem é esse tal de Thalles Roberto?
    Graças a Deus eu desconheço esse aproveitador, porém, o Senhor conhece muito bem a intenção e o coração do homem, e o mesmo dará cabo dele no dia do juízo.
    Senhor, tende piedade das almas perdidas!

    Curtir

  29. Verônica Santos
    15/10/2016

    Fiquei muito triste com a noticia no começo nao acreditei mas como nao gosto de falar coisas sem eu saber resolvi pesquisa e infelizmente era tudo e mas um pouco de verdade.gostava das musicas do jeito.o que mas me impresionava era a forma que ele falava de Deus do espirito santo nossa e muita blasfemia mas tb nao tenho nada contra ele.simplesmente entrego ele nas maos de Deus pos ele sabe de todas as coisas.de agora em diante mas um que vai entrar em minhas oraçoes Deus tenha misericordia dele e de todos nos.e o fim dos tempos!a palavra de Deus esta se cumprindo.

    Curtir

  30. Verônica Santos
    15/10/2016

    muitos que dizem senhor senhor.nao herdarao o reino dos ceus!

    Curtir

  31. Danilo Andrade
    26/01/2017

    O mercado “gospel” está sob as mesmas condições do mercado secular. O que as pessoas não compreendem que independente da saída dele do mercado gospel ou não, o ego está inflamado pela fama. Como é de muitos artistas seculares. E por quê isso? Porque estão todos sob o mesmo julgo. Todos pecaram e carecem da glória de Deus. Eu escuto música secular, e escuto musica gospel, vai da minha interpretação. Faço como Paulo diz: Observo todas as coisas e retenho o que for bom. Nem tudo do mercado gospel é digerível, me desculpem. Há muita controvérsia com o Evangelho de Cristo em algumas canções. Mas relevo os erros e fico com o que tem de melhor, assim como faço com a música secular. Afinal quem faz acepção de pessoas ainda não está exercitada no evangelho. Quem define grupos que eu posso ouvir ou não, sou eu! Isso é domínio próprio! Isso é fruto do Espírito Santo. Do mais, no final só sobrará o que for bom e agradável. Se Thalles está asoberbado e inflado pelo sucesso, saibam que isso passa. O único que permanece é Cristo. Então não tem essa de quem é de Deus, quem não é de Deus. Parem de julgar o próximo. Se não estão satisfeitos com a conduta dele. Deixai-o! Mas não o meça, porque com a medida que medires, sereis medidos.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: